Dahab: o melhor lugar do Egito

Quando se fala em Egito, a primeira coisa que vem a mente são as imponentes pirâmides, correto?

Está aí, vou te contar uma novidade… O Egito é um país que tem muito mais a oferecer do que seus magníficos templos, múmias e todas essas coisas ligadas a sua antiga civilização. Pouca gente sabe, mas há lugares incríveis espalhados pela costa do mar mediterrâneo e do mar vermelho. E foi na pequena e tranquila cidade de Dahab, no sudeste da península do Sinai, que descobri um lado diferente do Egito, pelo qual me apaixonei.

Dahab - View.jpg

Dahab, está a 85 km ao norte da cidade de Sharm El-Sheik e bem distante da capital, Cairo, cerca de 550 km. Antigamente, era uma aldeia costeira isolada e habitada apenas pelos beduínos (tradicionais povos nômades do Norte da África e do Oriente Médio). Porém, após a década de 80, o local começou a ser frequentado por hippies e mochileiros que iam para lá desbravar suas maravilhas naturais.

Dahab - Map.jpg

Hoje, além dos mochileiros e demais viajantes, Dahab também atrai os amantes de esportes outdoor, uma vez que sua privilegiada localização geográfica propicia a prática de vários destes esportes. De um lado está uma região bem montanhosa, onde é possível fazer trekking e escalada. Já do outro, o cristalino mar vermelho, que além atrair os amantes do mergulho, com seus bons ventos, se torna uma ótima pedida para os praticantes de windsurfe, kitesurfe e vela.

A relaxante atmosfera de Dahab [que em nada lembra as tradicionais regras e rígidos costumes do resto do Egito] faz você se sentir descontraído e revigorado. Ao longo de sua rua principal, destinada apenas aos pedestres, estão espalhados vários agradáveis e estilosos restaurantes e cafés que ficam de frente para a praia. Ah, há também uma grande variedade de lojas com artefatos egípcios e beduínos, num precinho bem camarada.

Sobre os destinos turísticos, nos arredores de Dahab não faltam opções…

Esculpido gradualmente pela ação das correntes em um recife, o Blue Hole é o mais famoso e temido ponto de mergulho do Egito. Este, por sua profundidade e nível de dificuldade, atrai muitos mergulhadores que procuram desafios. O local chegou a ser apelidado como “Diver’s Cemetery” pela quantidade de mortes que já ocorrem lá. A parte mais profunda chega a 52 metros, dá para imaginar?!

Mas é claro que, mesmo para aqueles que não forem se arriscar tentando atravessar este túnel sinistro, não vai faltar diversão para admirar a rica fauna e flora subaquática.

Próximo ao Blue Hole estão dois paraísos escondidos um ao lado do outro, Ras Abu Galum e Blue Lagoon, que fazem parte de uma Reserva Natural Nacional que preserva sua riquíssima natureza e uma autêntica vila de beduínos. Lá é possível passar um dia inesquecível relaxando e admirando o fascinante azul do mar vermelho. E para quem quiser estender um pouco mais, é possível passar a noite acampando sob um céu estrelado ou alugando umas das super estilosas cabanas dos beduínos.

Para curtir um perfeito fim de tarde, nada melhor que ir para a Lagoona Beach. Um lugar bem agradável e familiar, aonde muitas pessoas vão para fazer picnic, jantar ou apenas tomar um vinho contemplando um belíssimo pôr do sol. Eu tive o grande prazer e sorte de curtir esse momento na companhia de uma linda família que gentilmente me recebeu pelo Couchsurfing.

Definitivamente vale a pena visitar Dahab… é um lugar que vai te apaixonar!

 

Envie um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s